Nada de lactose - Conheça os leites vegetais


Existem inúmeros motivos que levam as pessoas optarem por leite vegetal, e se o único leite vegetal que você já ouviu falar é apenas o leite de soja, prepare-se para ampliar seus horizontes!


Os leites vegetais podem ser consumidos puros, em shakes, batidas e em inúmeras receitas. São saborosos, saudáveis e não deixam nada a dever aos leites de vaca em quesitos nutricionais, podendo substituí-los plenamente.


Eles são produzidos a partir de oleaginosas, grãos e cereais, possuem características próprias de sabor, cremosidade e valor nutricional, e verdade seja dita, são mais caros e menos acessíveis que o leite de vaca, mas isso não chega a ser exatamente um problema, uma vez que você também pode fazer o seu próprio leite vegetal em casa.


A seguir veremos os principais leites de vegetais encontrados por aí e suas características:


Leite de soja: O Mais popular e fácil de ser encontrado, não possui colesterol naturalmente e é extraído a partir da moagem dos grãos de soja. Rico em cálcio, potássio e magnésio, ainda possui um alto teor de proteínas e fibras.


Como fazer leite de soja:



Leite de amêndoas: Leve e gostoso, é um ótimo substituto ao leite de soja em diversas receitas. Fonte de vitaminas A, E, ferro, cálcio e fibras. Custa um pouco mais caro, entretanto é facílimo de ser feito em casa.


Como fazer leite de amêndoas:



Leite de nozes: Possui um altíssimo teor de antioxidantes que são substâncias combatentes aos radicais livres, evitando doenças e o envelhecimento precoce das células, ou seja, é o leite da juventude! Também é rico em vitamina E, ácidos graxos, ômega-3 e 6, selênio, cobre, zinco e magnésio. Tem gente que indica para combater diarréia.


Leite de amendoim: Outro leite bastante saboroso e rico em antioxidante, tem a vantagem de ser mais barato que o leite de amêndoas e também ser fácil de ser produzido em casa.


Leite de arroz: Feito a partir de grãos de arroz frescos, não contém glúten e é rico em carboidratos, proteínas e vitaminas do complexo B. É uma das opções mais baratas junto ao leite de soja.


Leite de aveia: Fácil de fazer e mais barato que a maioria das demais opções, possui uma alta concentração de cálcio, é rico em fibras solúveis, proporcionando sensação de saciedade. Contém glúten e por isso não é indicado para pessoas celíacas.


Leite de coco: Pode ser feito com a polpa do coco fresca, coco seco ralado e até com manteiga de coco. Rico em gordura boa, ajuda a reduzir o colesterol ruim do sangue, é mais calórico que os outros leites e também é fácil de ser feito em casa.


Como fazer leite de coco:



Leite de castanhas: Os mais populares são a base de castanha de caju e castanha-do-pará. Saboroso, pode ser tomado puro ou com café, também é muito utilizado no preparo de vitaminas, doces e até mesmo receitas salgadas. Menos calórico que o leite de amêndoas, possui um baixo índice glicêmico, é fonte de cálcio e vitaminas D, E, A e do complexo B.


Leite de semente de girassol: Um poderoso antioxidante, rico em fósforo, ferro, zinco, cobre e vitaminas B6, E e K. Possui propriedades calmantes.


Com certeza ainda existem muitos tipos de leites vegetais por aí que não apareceram nessa lista, mas que estão prontos para fazer bonito em muitas receitas, basta dar uma chance a eles.


Gostou do artigo? Quer sugerir um tema? Conta pra gente!

E se fizer uma das nossas receitas é só postar a foto no instagram usando a hashtag #Gourmetadois que a gente fica de olho.


Até a próxima, galerinha gourmet!


Receitas Relacionadas

Gostou? Então comente...

Blog

Gourmet a Dois

Esse é o blog da equipe Gourmet a dois! Tudo que está acontecendo estará aqui, bastidores de gravações, detalhes, curiosidades, dicas e como fazer!

Conversor de Medidas para Receitas

Conversor de Medidas para Receitas

Assim como os comentários, esse texto reflete opiniões do autor e não necessariamente do Gourmet a dois como publicação. Ao utilizar este site, você concorda com a Política de Uso.
Cadastre-se!